Música e Artes Plásticas: afinidades e entendimentos no século XX e XXI

Quarta-Feira | 29 de Janeiro – 18h | Auditório Museu Coleção Berardo


Por Rita Lougares

Licenciada em história, com pós-graduação e mestrado em Conservação e Museologia.
Desde Março de 1993, desempenhou o cargo de Conservadora no Centro Cultural de Belém em Lisboa, primeiro no Centro de Exposições e a partir de 1 de Junho de 2007, com a cedência deste espaço à Coleção Berardo, no Museu Coleção Berardo.
Em Abril de 2018 foi nomeada Diretora do Museu Coleção Berardo.
Nestes últimos 25 anos adquiriu e desenvolveu uma experiência profissional apreciável em museologia, nomeadamente nas áreas de conservação, produção e organização de exposições de arte moderna e contemporânea, na coordenação de equipas e projetos, bem como em muitas outras áreas ligadas à gestão de um museu.
Durante este longo período teve igualmente oportunidade de estabelecer contacto com inúmeros artistas e instituições, nacionais e estrangeiras. Teve oportunidade de viajar e de conhecer como funcionam diversas instituições internacionais.

Resumo

O objetivo desta conversa é inter-relacionar a música e artes plásticas, através da compreensão das convergências das duas expressões artísticas. Pretende-se contextualizar do ponto de vista histórico e estético os fenómenos artísticos identificando as principais problemáticas, tendências estilísticas, obras e artistas. Esta dupla abordagem (sonora e plástica), terá em conta alguns exemplos artísticos internacionais e nacionais, de obras que pertencem ao acervo do Museu Coleção Berardo analisadas pela  perspetiva da História da Arte.

 

 

Stereo & Immersive Media 2020 — Investigação em Fotografia, Som e Cinema

A 4ª edição da Conferência Internacional Stereo & Immersive Media terá lugar nos próximos dias 18, 19 e 20 de Junho na Universidade Lusófona (Campo Grande, Lisboa) e na Casa-Estúdio Carlos Relvas (Golegã). A conferência reúne os campos de investigação da fotografia, do som e do cinema, apresentando em paralelo uma instalação sonora binaural, um gabinete de vistas ópticas, um estúdio de daguerreotipia, uma mostra de filmes 3D,  assim como uma exposição de fotografia estereoscópica do início do século XX.

Oradores principais:
Tom Gunning, The University of Chicago
Denis Pellerin, The London Stereoscopic Company
Carlos Teixidor, Institute of Cultural Heritage, Spain
Elizabeth Edwards, De Monfort University, Leicester

A comissão organizadora convida investigadores, artistas, curadores e arquivistas a submeter propostas de artigos dedicados a diversos temas abrangidos por este campo de estudos (mais informações em http://stereoimmersivemedia.ulusofona.pt)
Prazos:
Submissão de resumo de comunicação: 17 de Fevereiro de 2020.
Submissão de propostas para filmes 3D:15 de Maio de 2020.

A conferência terá disponível projecção estereoscópica, oferecendo a oportunidade de se fazerem apresentações em 3D.

A conferência está associada a uma publicação científica revista por pares e em open acess, o International Journal on Stereo & Immersive Media.

Línguas oficiais: Inglês, Português e Espanhol

/////////

Stereo & Immersive Media 2020 — Research on Photography, Sound and Cinema

The 4th edition of the International Conference on Stereo & Immersive Media will take place on the 18th, 19th and 20th of June at Universidade Lusófona (Campo Grande, Lisbon) and at Casa-Estúdio Carlos Relvas (Golegã). The conference brings together the fields of research in photography, sound and cinema, presenting in parallel a binaural sound installation, an optical cabinet, a daguerreotype studio, a 3D film show, as well as a stereoscopic photography exhibition from the beginning of the 20th century.
S&I Media 2020 Keynotes:
Tom Gunning, The University of Chicago
Denis Pellerin, The London Stereoscopic Company
Carlos Teixidor, Institute of Cultural Heritage, Spain
Elizabeth Edwards, De Monfort University, Leicester

The organizing committee invites researchers, artists, curators and archivists to submit proposals for articles dedicated to various topics covered by this field of study (more information in http://stereoimmersivemedia.ulusofona.pt)

Deadlines:
Abstracts submission: February 17, 2020
3D films proposals: May 15, 2020

The conference will have stereoscopic projection available, offering the opportunity to make presentations in 3D.
S&I Media 2020 is associated with a peer-reviewed, open access scientific publication, the International Journal on Stereo & Immersive Media.
Official languages: English, Portuguese and Spanish

Conferência de Rachel Bullough Ainscough (Universidad San Pablo CEU, Madrid)

Clifford: a pioneer photographer in Spain

20 Fevereiro, 17.30

Auditório José Araújo, Biblioteca Victor de Sá, Universidade Lusófona  

 

 

The Early Visual Media Lab and CICANT are pleased to announce the upcoming conference of the visiting researcher Rachel Bullough Ainscough on Charles Clifford, one the most renowned pioneer photographers in Spain. Rachel Ainscough (Universidad San Pablo CEU, Madrid) has a PhD in History of Art (photography) from the Universidad Complutense.

Clifford: a pioneer photographer in Spain

A mysterious and colourful figure, the British photographer Charles Clifford (1819-1863) is universally recognised as one of the greatest photographers in Spain in the nineteenth century. From his curious arrival in Madrid in 1850 to his untimely death in 1863, Clifford worked tirelessly to portray a country and its people to the best of his ability. Never afraid to stretch the boundaries of the new photographic medium in order to satisfy his own creative needs, he fulfilled the desire of his clients in Spain to have a visual record of their times and that of his clients abroad; to see as much of the country (known and unknown) as possible, at a time when mass tourism was still a thing of the future and Spain continued to enjoy the romantic image of a country off the beaten track, somewhere between the Pyrenees and Africa.

At the forefront of new photographic processes and techniques acquired during his frequent trips to London and Paris, Clifford used his studio in Madrid to teach photography to all those interested, a task he continued during his trips around Spain. His clients included the aristocracy, the government and the Royal Houses of Spain and Great Britain which both have substantial collections of his work.  Embracing all the photographic genres from portraiture to civil works, Clifford’s unique image of Spain reconciles in perfect harmony the ancient past of the country with the modernization and progress of the 1850’s.