Rotas de Leitura: Ler os Media

29 de Outubro – Biblioteca Municipal José Saramago (Loures)

Com este Encontro pretende-se debater a importância da Literacia para os Media em tempo de pós-verdade, de informação falsa e de desinformação e o papel das instituições e dos agentes educativos na capacitação dos estudantes para usar, ler e analisar criticamente os media e produzir mensagens e conteúdos mediáticos. A atenção aos media, ao modo como os usamos, ao que fazemos com eles, ao que representam, ao que comunicam e como comunicamos através deles, são aspetos centrais de um processo de educação para os media. Nesta Encontro discutiremos como o desenvolvimento de tais competências é fundamental para o exercício esclarecido da cidadania  em sociedades cada vez mais mediatizadas.

Organização – Câmara Municipal de Loures

Rotas de Leitura – Ficha de inscrição

Download do Flyer com programa

[Texto enviado pela organização do evento]

Sessão Solene de Abertura do Ano Académico

Realiza-se no dia 15 de Outubro, no Auditório Agostinho da Silva, às 11h00, a Sessão Solene de Abertura do Ano Académico

Programa:

Abertura e Saudação pelo Magnífico Reitor, Prof. Doutor Mário Moutinho

Atuação do Coro da Universidade Lusófona, dirigido pelo Maestro Carlos Santos

Alocução do Provedor do Estudante, Prof. Doutor Diogo Mateus

Intervenção do Representante da Académica Lusófona

Alocução pelo representante da Rede de Antigos Alunos da Universidade Lusófona (RAAUL)

Intervenção do Vice-Reitor, Prof. Doutor Carlos Alberto Poiares, organizador da sessão

Atuação do Coro da Universidade Lusófona

Oração de sapiência: Fernando Namora, um olhar sobre a obra, pelo Prof. Doutor José Manuel Mendes Presidente da Associação Portuguesa de Escritores

Intervenção do Presidente do Conselho de Administração da COFAC, Prof. Doutor Manuel de Almeida Damásio

Hino da Universidade, interpretado pelo Prof. Doutor Paulo Sargento

 

IV Lisbon International Advertising Festival

IV Lisbon International Advertising Festival,  trará ao Museu da Ciência Viva, no Parque das Nações, dias 19 e 20 deste mês, várias das maiores estrelas mundiais do marketing e da publicidade.

O primeiro dia será dedicado às marcas de Health. Teremos também vários momentos de networking que contam com o patrocínio de várias importantes marcas.

No dia 19 em palco estará Tom Richards, que vem de Manchester onde é o Chief Creative Officer da Havas Linx, uma das mais importantes agências de publicidade na área da saúde à escala mundial; Renata Florio que é a directora criativa mundial da Ogilvy Health & Wellness, Tim Bierley , o Executive Creative Director da Wunderman Thompson Health, Patrícia Coelho da Artsana, Peter Ignazi, director criativo mundial da Cossette e Pamela Savage, Senior Vice President & Creative Director da Area 23, provavelmente a agência de publicidade da área da saúde mais premiada globalmente.

No dia 20, o programa começa com João Flores, o português que dirige com sucesso a criatividade da Dentsu X em Singapura,  Andrea Siqueira que é a Executive Creative Director da BETC em São Paulo,  Rodger Beekman que é o Chief of Experience da PwC em Amesterdão,  Erick Rosa, o brasileiro que brilha a dirigir a criatividade da Publicis One Japão,  Liliana Camaican que é a Head of Innovation mundial da Tata Global Beverages e ainda  Luís Silva Dias, o português que é o CEO mundial da FCB International.

Os estudantes podem adquirir o bilhete para os dois dias por apenas 15€. 

Paralelamente, há uma iniciativa gratuita para estudantes. O briefing de Young Lisbon, que este ano é patrocinado pela Galp e que poderá lançar uma carreira de sucesso junto dos estudantes . Todos os detalhes podem ser vistos aqui.

Quarta-feira |25 SET – 18H | Auditório Museu Coleção Berardo

Para quem falo agora na ausência de um corpo?
Arte e público: entre o real e o virtual.

Carlos Pimenta: Encenador, Professor e investigador. Licenciado em Ciências da Comunicação – comunicação, cultura e arte (Universidade Nova de Lisboa). Mestre em Ciências da Comunicação (Cultura Contemporânea e Novas Tecnologias – UNL). Doutorando em Ciências da Comunicação – ECATI / ULHT. Curso de Gestão das Artes | Instituto Nacional de Administração. Curso de Fotografia (Ar.Co – Centro de Arte e Comunicação Visual). Além da atividade artística exerceu diversos cargos ao nível da gestão cultural. Publicou diversos artigos sobre cultura e teatro, em revistas nacionais e estrangeiras. Enquanto encenador dirigiu mais de duas dezenas de espetáculos nas principais salas do país. Desde há cerca de dez anos tem vindo a interessar-se particularmente pelas relações entre arte, cultura e tecnologia. Em 2004 foi distinguido pelo Governo Francês com o grau de Cavaleiro da Ordem das Artes e das Letras.

Resumo: Vivemos, cada vez mais, uma ideia de comunidade virtual, interativa e de cultura pluralista, em que a audiência está liberta de posturas tradicionais, promovendo a dialéctica rede | ser num contexto de contaminações (artes, audiências e media) tecendo uma arquitetura dirigida a uma outra ideia de espaço comum enquanto promotor de desenvolvimento pessoal, cultural, tecnológico e social.

No entanto, uma questão deverá ser suscitada: terá a representação do real, decorrente de uma crescente sofisticação tecnológica, levado o homem a ausentar-se da sua noção tradicional de comunidade?